terça-feira, 11 de agosto de 2009

1 ano em Okinawa

Hoje completa um ano que chegamos em Okinawa.
O tempo voa, ate parece que foi ontem que estavamos sendo levados pela familia ate o aeroporto e depois toda aquela choradeira, rsrsrs. Eu chorei tanto, alias desde o dia anterior, ja sentia saudade antes de partir.
Saimos de Ribeirao no dia 9 e depois de muuuitas horas de viagem a sensacao de pisar em terra firme foi muito boa, mas nao melhor do que a de tomar um bom e demorado banho de chuveiro!
Me lembro que o voo chegou as 9 horas da noite do dia 11/08/2008. A Tsuyuki, secretaria do laboratorio, foi nos buscar no aeroporto que fica em Naha, a capital de Okinawa, e nos levou ate Onna-son, a cidade onde moramos agora.
Nossa primeira refeicao em Onna-son foi um big mac logo que chegamos. Pelo menos Mc Donald's eh igual e tem em todo lugar, neh?
No dia seguinte fomos conhecer o local de trabalho do Digo e ir atras da documentacao que precisavamos aqui. Nao parava de admirar o lugar e reparar quao diferente era do Brasil.
Lembro que na nossa primeira noite fomos procurar uma telefone pra ligar pro Brasil e avisar que aviamos chegado. Encontramos o telefone mas nao conseguimos ligar, pois nao faziamos ideia de como funcionava o telefone, hehehe. Depois resolvemos passear pela rua, era quase meia noite. Que tranquilidade, tudo muito limpinho e nenhum preocupacao com assalto e coisas do tipo. Fiquei encantada com o lugar desde o primeiro dia.
Sinto muita saudade da familia, dos amigos e do Brasil, mas sei que quando formos embora de Okinawa vai ficar uma saudade grande!

Um comentário:

Lú Silva disse...

É sempre assim Aloana, a partida não é bom.
Parabéns por vc esta ai em Okinawa a um nao. Experiencia rica, imagino.

bjos

Related Posts with Thumbnails